sábado, 28 de maio de 2011

EX-MACHINA - Metal Core - Belo Horizonte/MG



Banda metal hardcore formada em maio 1999  em Belo Horizonte com a proposta de fazer um som pesado, denso e agressivo mesclando diversas influências do metal e do hardcore. 

Origem do nome: 
ex machina: (da dramaturgia grega) 
Algo ou alguém que surge de súbito,inesperadamente, causando grande impacto e espanto, alterando a estória após sua aparição.

Os Temas abordados pela banda são: Hipocrisia, violência, dependência, opressão, ignorância, política, drogas, cotidiano, religião, comportamento, sociedade, relações sociais e afetivas, discriminação, fé e existencialismo.



Trabalhos lançados: 

BEYOND AGGRESSION - Demo-tape Lançada em agosto de 1999
PERVERTED - Demo-cd lançado em maio de 2003 
A SHOT IN YOUR FAITH! - Ep lançado em janeiro de 2007 e remixado em 2009 sendo lançado em 2010 versão split-cd com a banda SEVERA pela 53 HC Records.



A banda tem em seu curriculo a participação em vários festivais de destaque, entre eles:

- (2000) Participação no longa-metragem mineiro SAMBA CANÇÃO, de Rafael Conde, tocando a música própria  new song (for the demented).

- (2001) Banda selecionada a participar do festival Divino Rock realizado em Divinópolis/MG, durante a Festa Nacional da Cerveja.

- (2002) Selecionada a participar das eliminatórias de festival Camping & Rock (BH./MG)

- (2003) Selecionados novamente para participar do festival Divino Rock realizado em Divinópolis/MG, durante a Festa Nacional da Cerveja.

- (2004) Vencem a etapa final do festival Vitrola 2 em BH./MG

- (2004) Ficam em 3º lugar na etapa final do festival Afonso Pena Rock em BH/MG.


Atual Formação: 

Leönidas: baixo e vocal
Karl: Guitarra
Gentil: Bateria

ENDEREÇO: 
A/C LEÖNIDAS - Rua Frederico Bracher Júnior> 300A/1006 > cep. 30720-000 > Carlos Prates > Belo Horizonte > Minas Gerais > Brasil

TELEFONES
(0XX31) 2515-1623/9707-4631

CORREIO ELETRÔNICO
exmach@zipmail.com.br

PERFIL NO ORKUT
http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=10763044845792188158

COMUNIDADE NO ORKUT 
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=3101985

PERFIL NO PURE VOLUME 
http://www.purevolume.com/exmachinametalcore

PERFIL NO MYSPACE 
http://www.myspace.com/exmachinametalcore

PERFIL NO FACEBOOK
http://www.facebook.com/reqs.php?fcode=a43386ec5&f=100002100683800#!/profile.php?id

sexta-feira, 13 de maio de 2011

HOCNIS - "Agressivo, Cativante, Sem Tendências!" - UnderGrind (Canadá)

SINGLE - DEMO(NIAC) EM SITE CANADENSE... CONFIRAM!


“Eles lembram mais o Thrash dos anos iniciais, mantendo as coisas mais acessíveis, agressivas e cativantes, sem tendências de sobre-produção. Eles sabem como criar velocidade, mas a maioria da demo serve para pessoas que gostam de um ritmo mais lento martelando. Então, descanse as mãos no palco e bata cabeça! Hocnis está no seu caminho e não vai demorar muito antes do lançamento do seu álbum completo. Então vamos ver realmente do que Hocnis é feito.”



Para ler a resenha completa (em Inglês), por favor, visite: 

Contato para shows e merchandise 


Sites Relacionados:

HUST - Rock n' Roll/Blues - Belo Horizonte/MG

É um imenso prazer divulgar o trabalho desta banda, os caras fazem um som da pesada e a formação conta com o grande Rodrigo Neves (baterista), um dos membros  fundadores da banda mineira Mutilator, ou seja um músico que viveu os primórdios do metal em BH. Agora ele nos presenteia com uma sonzeira baseada no Rock N' Roll e no Blues. Atualmente a banda está em pleno vapor no processo de composição para em breve lançar seu primeiro trabalho. 


Biografia

Formada em outubro de 2009 por Rafael Dias (Guitarra e Vocal), Felipe Menezes (Baixo, Vocal e Harmonica) e Rodrigo Neves (Bateria) visando homenagear a época que consideramos ser a mais marcante do Rock N Roll e do Blues, as décadas de 60 e 70. 


Em abril de 2011 o tecladista Rudrix entra para a banda completando assim a formação considerada ideal pelos integrantes. Guitarra, baixo, teclados e bateria, possibilitando uma melhor proximidade com as versões originais dos covers escolhidos. 


A banda tem como influencia verdadeiros monstro do Rock mundial: CREAM, BLUE CHEER, JIMI HENDRIX, LED ZEPPELIN, BLACK SABBATH, STEPHENWOLF, MUDDY WATERS, ROBERT JOHNSON, DEEP PURPLE, THE DOORS, THE BEATLES, B.B. KING


Line-Up

Rafael Dias - Guitarra e vocal
Felipe Menezes - Baixo e vocal
Rodrigo Neves - Bateria
Rudrix - Teclados





Contatos: 
rafael_dias_505@hotmail.com / steker@ig.com.br


Confira Videos da banda:



sexta-feira, 6 de maio de 2011

SABRE - Hard n´Rock - Videira/SC


Formada em meados de 2004 pelo guitarrista Elias Scopel Liebl e pelo baterista Mario Oliva na cidade de Videira – Santa Catarina, a banda segue para cidade de Curitiba – Paraná, onde inicia suas atividades. Já com o nome SABRE, a banda recruta para ocupar o posto de baixista o amigo Wagner Maschio. Formando em definitivo o trio: Scopel, Oliva e Maschio.
Passados alguns dias o guitarrista Scopel teve contato com o vocalista Guilherme “Indianwest” Oliveira (Satraybullet, Silent, Michael Riesenbeck, IonU e AURA), que logo viria a se envolver com a banda fazendo ensaios, shows e iniciando em 2005 a gravação do EP, intitulado Boemia. As gravações do EP ainda tiveram algumas participações especiais com os vocalistas André Mendes (Dragon Heart), Giuliano Schmith (Still Life) e o próprio Rafael Steel.


Em outubro de 2006 a banda vai para a ilha de Florianópolis-SC no estúdio AML sobre produção de Alexei Leão (Stormental) gravar seu novo CD intitulado Burning Wheels. Depois de gravadas as baterias, Scopel assume o posto e grava todo o resto do CD, incluindo vocais e baixos, o CD também conta com a participação do guitarrista Rafael Scopel (Ex Stormental e Still Life) primo de Scopel. Antes de terminar a mixagem e masterização do CD Burning Wheels a banda decide lançar um EP intitulado Estrada de Rosas pela tecnologia SMD, sendo exclusivamente para fãs e emissoras de rádios. Este EP contém versões exclusivas que não se encontram nos demais trabalhos. Os dois últimos trabalhos foram lançados em 2007, seguidos de alguns shows incluindo a indicação Brasileira ao Battle W.O.A (Wacken Open Air) realizada em Santa Catarina.
Em 2009 a banda recruta ao posto de baixista Jean Medeiros substituindo Maschio que por motivos profissionais teve de ausentar-se da banda. Neste mesmo ano fazem uma serie de shows pelos principais palcos dos festivais Catarinenses, incluindo alguns programas de Televisão, shows com participação de Edu Ardanuy (Dr Sin) e alguns festivais ao lado de nome como Glenn Hughes (Deep Purple, Black Sabbath), Graham Bonnet (Rainbow), Raimundos, CJ Ramone (Ramones), Garotos Podres, etc. Pela primeira vez a banda Sabre também toca no festival Araraquara Rock e no Blackmore Bar no estado de São Paulo. Ainda no final de 2009 a banda entra no Estúdio Fonte Sonora para gravar o EP intitulado Rock’n Road.


Logo no início de 2010 com o EP Rock’n Road praticamente concluído uma nova notícia, a banda recruta para tomar conta das baquetas o produtor do novo EP, Filipe Argenton (Fiti) que segue com a banda por vários shows no litoral Catarinense e interior do Rio Grande do Sul. O novo EP ainda conta com a participação dos irmãos violinistas Aymore e Bira, no sax Márcio Quick e nos teclados Marcos Véia. Com o lançamento do novo material e nova formação a banda segue na estrada divulgando o EP - ROCK’N ROAD.
Atualmente a banda está gravando seu novo CD que em breve deve estar saindo do forno. 
Integrantes
Elias Scopel Liebl (Guitarra, Violão e Voz), 
Filipe Argenton (Bateria e Voz), 
Jean Medeiros (Baixo)

Discografia
Boemia (2005), 
Estrada de Rosas (2007), 
Burning Wheels (2007) e 
Rock’n Road (2010)

               Contatos
Rua Jacinto Forlin - nº 150, Bairro Portal, CEP: 89560-000, Videira-SC, Telefones (49) 9919 3901 / 3566 1873 ou (48) 88573701

Myspace
Orkut: 
E-mail
Twitter: @sabreband
Facebook: sabre rock
2007 - Burning Wheels 

segunda-feira, 2 de maio de 2011

DIVINE DEATH - Belo horizonte/MG

Saudações Amigos 
Neste post tenho o prazer de divulgar o trabalho de uma banda que tenho orgulho de ter dividido o mesmo palco e também tive a felicidade de ir a vários shows, e posso dizer que o Divine Death ao vivo não deixa pedra sobre pedra. 

Agradeço ao grande Markin pelo material a mim enviado e espero que gostem!!!



Em 1990 é formada em Belo Horizonte a Divine Death, banda que se tornaria uma das mais conhecidas dentro do cenário do Death Metal Mineiro, nome este escolhido em homenagem a banda Napal Death, apreciada pelos componentes do Divine, principalmente pela música que os ingleses praticavam, tornando-a assim influencia para vários outras bandas musicais planeta afora.

Incubinho, Valney, Henrique , Marquinho e Punk. 

A formação original do Divine Death apresentava Pank na bateria, Incubinho no contrabaixo, Walner na guitarra e posteriormente Henrique Zanadreis também na guitarra e Marcos Machado nos vocais. Com esta formação a banda grava o Clássico álbum “Human Incarnation Sclerosis” lançado em 1994 pela Miragem Records.

1994 - Human Incarnation Sclerosis

Em 1996 a banda entra novamente em Studio, desta vez para registrar a demo-tape “Divine Death”, contanto com o novo baixista Andrews Cross. A banda esta no caminho certo para se tornar uma das mais importantes do cenário nacional. Ocorreram alguns shows pelo Brasil, mas infelizmente, por uma divergência entre seus integrantes, a banda teve que dar um tempo e não decolou como se esperava.

No ano de 1998 por intermédio do vocalista Marcos Machado (Markin), p Divine Death resurge, contanto com músicos de tinham experiência na cena mineira: Renato Audrey (1998-1999 ex: As Prophecies, Spittle, Impurity, Paradise in Flames e Insaned), Vitor (1998-1990) e Marlon (1999-2000) nas guitarras, Sidney na Bateria (1998-2000 ex: Spittle e Torment), Thiago (1998), Schumacher (1999-2000) e Warley no contrabaixo. Juntos estes músicos dariam seqüência ao trabalho que gerou em 2001 o mcd-demo intitulado “Unfected By The Church”, neste período a banda contava com a nova formação, esta responsável pelo registro e composição de parte deste novo artefato: Markin (Vocals), Alex Albernez (guitars), Andreas M. Pereira (bass), André Ferreira (Drums) e André Ricardo (guitars).

2001 -EP - Infected by the Church

Em 2009 o Divine Death ressurge reformulado e mais coeso, mantendo seu tradicional vocalista Markin que, juntamente com seus novos comparsas, Renato Audrey (Guitars), Malu Henndrys (Bass, Ex: Insurrection, Vector Underfate), Bruno Camargo (Guitars, Ex: Vector Underfate) e Evandro (Drums, ex: As Prophecies e Arkebeltz), estão prontos para tocar seus instrumentos infenais, registrar seu novo álbum e permanecer como sempre atormentando as almas com seu Death Metal Alucinante.